Imagem

1. A placa (A-21d) significa:

A) Alargamento de pista à esquerda.
B) Estreitamento de pista à esquerda.
C) Estreitamento de pista ao centro.
D) Estreitamento de pista à direita.
E) Alargamento de pista à direita.

Imagem

2. A placa (A-14) significa:

A) sinalização à frente.
B) sinal vermelho à frente.
C) sinalização para pedestre à frente.
D) semáforo à frente.
E) atenção: semáforo.

Imagem

3. Um condutor, ao estacionar o seu veículo, às 22 horas, por um período de permanência de aproximadamente duas horas, em uma via sinalizada com a placa representada abaixo,

A) estará cometendo uma infração, mesmo que preencha o cartão.
B) estará em situação regular.
C) deverá acionar as luzes de emergência (pisca-alerta).
D) deverá limitar o período de estacionamento em, no máximo, uma hora.
E) deverá preencher o cartão.

Imagem

4. Considere a figura abaixo. A placa de sinalização regulamenta e informa ao motorista:

A) a velocidade máxima permitida.
B) a altura máxima permitida.
C) a largura máxima permitida.
D) o comprimento total permitido.
E) o peso total permitido por eixo.

Imagem

5. A placa (R-5b) indica que é proibido:

A) realizar conversão à direita.
B) entrar no estacionamento.
C) retornar à esquerda.
D) seguir em frente ou entrar na rua ou área restringida.
E) retornar à direita.

Imagem

6. A placa (R-35a) indica que:

A) é proibida a circulação de ciclistas na via ou área sinalizada.
B) os pedestres devem transitar pelo lado esquerdo.
C) os ciclistas devem transitar pelo lado esquerdo.
D) os ciclistas devem circular pelo lado esquerdo e os pedestres pelo lado direito.
E) é proibido o trânsito de pedestres.

Imagem

7. Esta placa indica:

A) a obrigação dos veículos de carga passarem pela balança.
B) a obrigação dos veículos de carga pararem para conferência de documentação.
C) a proibição de circulação de veículos de carga, que deverão sair da estrada.
D) a obrigação de ônibus, caminhões e veículos de grande porte circularem pela faixa à direita.
E) a proibição de ônibus e caminhões de circularem na faixa da esquerda.

Imagem

8. A placa (A-21b) significa:

A) Alargamento de pista è esquerda.
B) Estreitamento de pista ao centro.
C) Estreitamento de pista à direita.
D) Alargamento de pista à direita.
E) Estreitamento de pista à esquerda.

Imagem

9. A placa (R-38) indica que:

A) é proibido o trânsito de caminhões na área ou via sinalizada.
B) os ônibus e caminhões devem manter-se à direita.
C) é proibido o trânsito de tratores e máquinas de obras na área ou via sinalizada.
D) é proibido o trânsito de motocicletas, motonetas e ciclomotores na área ou via sinalizada.
E) é proibido o trânsito de ônibus na área ou via sinalizada.

Imagem

10. Pela seqüência, identifique as sinalizações abaixo.

A) Dê a preferência, parada obrigatória à frente e parada obrigatória.
B) Parada obrigatória à frente, dê a preferência e parada obrigatória.
C) Parada obrigatória à frente, parada obrigatória e dê a preferência.
D) Dê a preferência, parada obrigatória e parada obrigatória à frente.
E) Parada obrigatória, parada obrigatória à frente e dê a preferência.

Imagem

11. A placa (A-21e) significa:

A) Estreitamento de pista ao centro.
B) Alargamento de pista à direita.
C) Estreitamento de pista à direita.
D) Alargamento de pista à esquerda.
E) Estreitamento de pista à esquerda.

Imagem

12. A placa (R-36b) indica que:

A) os pedestres devem transitar pelo lado esquerdo e os ciclistas devem transitar pelo lado direito.
B) é proibido o trânsito de pedestres.
C) é necessário parar para controle alfandegário.
D) os ciclistas devem circular pelo lado esquerdo e os pedestres devem transitar pelo lado direito.
E) os ciclistas devem transitar pelo lado direito.

13. O veículo A está seguindo o veículo B mantendo certa distância, conforme recomenda os preceitos de Direção Defensiva, bem como as normas de trânsito. Nesse caso, é CORRETO afirmar que a distância do veículo A para o veículo B:

A) facilita a colisão do veículo A com o veículo B.
B) dificulta a frenagem e facilita a colisão entre os veículos.
C) possibilitará a freada brusca do veículo A, para não colidir com o veículo B.
D) diminui a probabilidade de colisão do veículo A com o veículo B.
E) diminui a distância para frenagem do veículo A.

14. A forma correta de parar o carro em uma ladeira, com acentuado aclive, ou seja, no sentido da subida, a fim de aguardar a abertura do semáforo, é:

A) acionar os freios de serviço (pedal) inicialmente e, em seguida, o de estacionamento (mão), colocando o veículo simultaneamente em ponto morto.
B) manter o veículo com a embreagem patinando, para facilitar a saída e impedir que ele retorne.
C) acionar o freio de estacionamento (mão) e engatar a primeira marcha, mantendo a embreagem levemente solta para sair mais rápido.
D) acionar o freio de serviço (pedal) e, em seguida, engatar a 1a marcha.
E) segurar o freio somente com o freio de serviço (pedal).

15. Para transpor uma passagem de nível com uma ferrovia, sem cancela, o condutor deve:

A) parar o veículo, olhar para ambos os lados e efetuar o cruzamento com segurança.
B) reduzir a velocidade e cruzar a via férrea.
C) buzinar e cruzar a via férrea.
D) acender os faróis do veículo e cruzar a via férrea.
E) efetuar a travessia bem devagar.

16. Cristina conduzia em alta velocidade seu veículo em uma rodovia, quando, de repente, começou uma forte chuva. Sem que ela percebesse, seu veículo sofreu o fenômeno da aquaplanagem, que ocorre, pela combinação dos seguintes fatores:

A) velocidade reduzida, chuva e pneus “carecas”.
B) falta de atenção e pavimentação ruim da pista.
C) pequena distância entre os veículos em circulação e falta de cuidado nas curvas.
D) alta velocidade, excesso de água na pista e pneus em mau estado.
E) alta velocidade, falta de destreza do condutor e suspensão do veículo em mau estado.

17. Certo condutor vai guiar pela primeira vez um veículo diferente do seu, bem mais moderno. Segundo os preceitos da Direção Defensiva, o procedimento correto a adotar é:

A) dirigir com atenção, uma vez que os carros modernos são equipados com comandos complicados.
B) portar a documentação do veículo, procurar conhecer todos os comandos do veículo antes deconduzi-lo, bem como fazer os devidos ajustes nos espelhos retrovisores e no banco do condutor.
C) informar-se com o proprietário sobre o seguro do automóvel e como acionar socorro, se necessário.
D) dirigir devagar e, em caso de dúvida, estacionar o veículo e solicitar auxílio ao agente de trânsito.
E) portar a documentação do veículo; portar o manual do veículo, caso necessite consultá-lo; e dirigir com habilidade.

18. Anselmo tem muito cuidado com seu veículo. Mora em uma rua de duplo sentido de direção, quase na esquina com um cruzamento, rua esta em que há grande fluxo de pedestres, ciclistas, motociclistas e veículos. O espaço de sua garagem é muito “apertado”. Assim, durante o dia, Anselmo tem o hábito de deixar o veículo estacionado em frente à sua casa, bem “colado” ao portão de sua casa, com os dois pneus direitos sobre a calçada, a fim de evitar colisões em seu veículo. Conforme o CTB e os preceitos da Direção Defensiva, Anselmo está:

A) correto, pois manter o veículo sobre a calçada facilita o fluxo de veículos na via.
B) incorreto, pois mesmo parcialmente sobre a calçada, o veículo compromete a fluidez do trânsito.
C) correto, pois evita colisões com veículos cujos condutores trafeguem em alta velocidade.
D) correto, pois cumpre e faz cumprir a legislação de trânsito, tendo em vista que todo condutor tem permissão legal para estacionar sobre a calçada em frente à sua própria casa.
E) incorreto, pois desrespeita a lei e põe em risco a segurança dos pedestres, que terão que circular pela pista de veículos.

19. Para dirigir com maior segurança, a forma correta de segurar o volante de direção é com as mãos:

A) apoiadas na parte externa do volante, em posição similar à “oito horas e vinte minutos” do relógio.
B) juntas, na parte de baixo.
C) apoiadas na parte externa do volante, em posição similar à “nove horas e quinze minutos” do relógio.
D) nos raios do volante.
E) juntas, em cima.

20. O motorista do veículo A aproxima-se de uma curva acentuada à direita, conforme a figura. Poderá perder o controle do veículo, sair da faixa de rolamento e colidir com o veículo que trafega em sentido contrário, em função da ação da força centrífuga. Para evitar esse tipo de colisão, um motorista defensivo deverá:

A) aumentar a velocidade na curva e manter-se à esquerda.
B) frear o veículo no meio da curva e manter-se à esquerda.
C) manter-se à direita e diminuir a velocidade antes da curva.
D) manter-se à direita e aumentar a velocidade antes da curva.
E) diminuir a velocidade e manter-se à esquerda.

21. Atualmente, graças à intensa propaganda, para muitas pessoas, a aquisição de um veículo transformou-se em promessa de sucesso e felicidade. Um dos custos sociais desse consumismo desenfreado é:

A) a ampliação das sanções aos motoristas infratores.
B) a diminuição da durabilidade dos bens consumidos.
C) a criação de uma sociedade cada vez menos desigual.
D) o impacto provocado sobre o meio ambiente.
E) o aumento dos conflitos entre consumidores e cidadãos.

22. Nas grandes cidades verifica-se que, nos meses mais frios do ano, acumulam-se mais poluentes no ar porque sua dispersão é:

A) Facilitada pela inversão térmica.
B) Dificultada pelo efeito estufa.
C) Dificultada pela inversão térmica
D) Facilitada pelo efeito estufa
E) facilitada pela chuva ácida

23. No Brasil, há que se considerar que o cidadão pode exercer diferentes papéis no contexto social: ora atua como pedestre, ora como motorista ou motociclista. Para o Código de Trânsito Brasileiro, o cidadão é:

A) alvo de permanentes pesquisas.
B) prioridade no que se refere à defesa da vida.
C) prioridade no que se refere à defesa da vida.
D) um sujeito detentor de livre arbítrio.
E) é o único responsável pelos problemas de trânsito.

24. Atirar, nas vias públicas, objetos ou substâncias de dentro do veículo é passível de multa e constitui uma infração:

A) grave, geralmente, praticada por condutores de nível de escolaridade alta.
B) média, que pode ser considerada irresponsável sob o ponto de vista ambiental.
C) leve, cotidianamente, praticada pelos que criticam os ecologistas.
D) gravíssima, raramente praticada por condutores jovens
E) leve, que pode ser considerada danosa apenas para os pedestres

25. O nível do fluído de freio de um determinado veículo automotor tem que ser completado todos os dias antes da jornada de trabalho. Nesse caso, pode-se considerar que o consumo é:

A) normal, se o dia estiver muito quente.
B) anormal e o sistema está com vazamento.
C) normal, se o dia estiver muito frio.
D) anormal, se o veículo transportar muito peso.
E) normal, se o veículo for de tração nas quatro rodas.

26. Na verificação periódica e preventiva do veículo, o condutor deve incluir os cuidados com os cintos de segurança. Na inspeção dos cintos de segurança do veículo, o condutor deve avaliar:

A) as dobras, que deverão permitir perfeita elasticidade.
B) as dobras de todos os cintos, que deverão impedir elasticidade excessiva.
C) se há folga suficiente em todos os cintos, a fim de que o atrito do cinto com o corpo não provoque rompimento prematuro do sistema de travamento.
D) se o sistema de travamento da faixa inferior do cinto funciona com perfeita elasticidade.
E) se todos os cintos estão em perfeitas condições e disponíveis para todos os ocupantes do veículo.

27. Certo motorista presenciou um atropelamento em uma via urbana, em que a vítima sofreu ferimentos generalizados, permanecendo deitada na pista. O condutor envolvido fugiu do local do acidente com seu veículo. Nesta situação, deve-se, imediatamente:

A) perseguir o veículo envolvido no acidente.
B) colocar a vítima sentada, para facilitar a respiração.
C) arrastar a vítima para o passeio.
D) colocar a vítima em seu veículo e removê-la para um hospital.
E) sinalizar o local e acionar o serviço de resgate (atendimento médico especializado).

28. Devido à tempestade, os cabos elétricos se romperam e estão sobre um carro com três passageiros. Nessa situação, o procedimento indicado é:

A) retirar, ao mesmo tempo, os cabos e os passageiros do carro.
B) solicitar ajuda de outros motoristas para a retirada dos passageiros, sem provocar a movimentação do carro.
C) retirar os cabos, enquanto se aguarda o resgate.
D) retirar os passageiros após afastar os cabos com um cano de ferro.
E) orientar os passageiros para que permaneçam no interior do carro aguardando o resgate adequado.

29. Ao atender um motociclista com alteração de consciência, após bater a cabeça no chão, deve-se:

A) mantê-lo com a temperatura do corpo abaixo do normal.
B) restringir os movimentos, mantendo as roupas apertadas.
C) evitar movimentá-lo e chamar socorro médico.
D) evitar conversar com ele, para não confundi-lo ainda mais.
E) forçá-lo a ingerir líquidos.

30. Em um acidente com motocicleta, a vítima está inconsciente e caída no chão com os joelhos dobrados. Nesta situação, um cuidado a ser prestado à vítima é:

A) observar presença de deformidades e movimentar as articulações.
B) verificar presença de fratura no joelho e tentar colocar a articulação no lugar.
C) movimentar a cabeça para cima e para baixo.
D) transportar a vítima, o mais rápido possível, na posição sentada, para o hospital.
E) não tirar o capacete do motociclista, e não movimentá-lo.

0 de 30