Imagem

1. A placa (A-3a) significa:

A) curva acentuada à esquerda.
B) pista sinuosa à esquerda.
C) curva à esquerda.
D) curva em “S” à esquerda.
E) pista sinuosa à direita.

Imagem

2. A placa (A-21d) significa:

A) Alargamento de pista à esquerda.
B) Estreitamento de pista à esquerda.
C) Estreitamento de pista ao centro.
D) Estreitamento de pista à direita.
E) Alargamento de pista à direita.

Imagem

3. Considere a figura abaixo. A placa de sinalização regulamenta e informa ao motorista:

A) a velocidade máxima permitida.
B) a altura máxima permitida.
C) a largura máxima permitida.
D) o comprimento total permitido.
E) o peso total permitido por eixo.

Imagem

4. Em uma avenida da cidade onde reside, um condutor verifica a existência das placas conjugadas abaixo representadas.O condutor deve saber que:

A) caso exista fiscalização eletrônica, deverá haver também, obrigatoriamente, sinalização educativa.
B) os limites de velocidade variam de acordo com os dias e horários indicados nas placas, valendo para qualquer veículo.
C) adiante existe, certamente, fiscalização eletrônica.
D) a redução de velocidade nos dias úteis, conforme indica a placa, é válida apenas para caminhões e ônibus.
E) as velocidades indicadas nas placas são apenas recomendações para os condutores.

Imagem

5. A placa (A-14) significa:

A) sinalização à frente.
B) sinal vermelho à frente.
C) sinalização para pedestre à frente.
D) semáforo à frente.
E) atenção: semáforo.

Imagem

6. A placa (A-21e) significa:

A) Estreitamento de pista ao centro.
B) Alargamento de pista à direita.
C) Estreitamento de pista à direita.
D) Alargamento de pista à esquerda.
E) Estreitamento de pista à esquerda.

Imagem

7. Segundo suas funções, as placas abaixo, pela ordem, são classificadas nos seguintes tipos:

A) indicação, atenção e siga.
B) advertência, regulamentação e indicação.
C) regulamentação, advertência e indicação.
D) proibição, autorização e atrativos turísticos.
E) advertência, indicação e serviço auxiliar.

Imagem

8. A placa (A-21b) significa:

A) Alargamento de pista è esquerda.
B) Estreitamento de pista ao centro.
C) Estreitamento de pista à direita.
D) Alargamento de pista à direita.
E) Estreitamento de pista à esquerda.

Imagem

9. A parada no meio de um cruzamento é proibida:

A) apenas se existir a placa educativa, conforme exemplo indicado na figura.
B) apenas se existir a pintura amarela, conforme exemplo indicado na figura.
C) apenas nos horários de pico.
D) apenas se existir pintura amarela combinada com placas educativas.
E) em qualquer situação.

Imagem

10. Um condutor, ao estacionar o seu veículo, às 22 horas, por um período de permanência de aproximadamente duas horas, em uma via sinalizada com a placa representada abaixo,

A) estará cometendo uma infração, mesmo que preencha o cartão.
B) estará em situação regular.
C) deverá acionar as luzes de emergência (pisca-alerta).
D) deverá limitar o período de estacionamento em, no máximo, uma hora.
E) deverá preencher o cartão.

Imagem

11. A placa (R-35b) indica que:

A) os pedestres devem transitar pelo lado direito.
B) é proibido o trânsito de pedestres.
C) é proibida a circulação de ciclistas na via ou área sinalizada.
D) os ciclistas devem circular pelo lado direito e os pedestres pelo lado esquerdo.
E) os ciclistas devem transitar pelo lado direito.

Imagem

12. A placa (R-39) indica que:

A) os caminhões e ônibus devem parar para controle alfandegário.
B) é permitida a circulação apenas de ônibus ou caminhão na área ou via sinalizada.
C) é permitida a circulação apenas de caminhão na área ou via sinalizada.
D) é proibido o trânsito de caminhões.
E) é permitida a circulação apenas de ônibus na área ou via sinalizada.

13. A forma correta de parar o carro em uma ladeira, com acentuado aclive, ou seja, no sentido da subida, a fim de aguardar a abertura do semáforo, é:

A) acionar os freios de serviço (pedal) inicialmente e, em seguida, o de estacionamento (mão), colocando o veículo simultaneamente em ponto morto.
B) manter o veículo com a embreagem patinando, para facilitar a saída e impedir que ele retorne.
C) acionar o freio de estacionamento (mão) e engatar a primeira marcha, mantendo a embreagem levemente solta para sair mais rápido.
D) acionar o freio de serviço (pedal) e, em seguida, engatar a 1a marcha.
E) segurar o freio somente com o freio de serviço (pedal).

14. Ao dirigir em uma rodovia, o condutor entra em um trecho com neblina muito intensa, praticamente impedindo a visão. Nessa situação ele deve:

A) prosseguir a viagem com velocidade reduzida, acionando os faróis altos.
B) manter velocidade alta, pois algum veículo pode bater na traseira do seu veículo, e acionar o piscaalerta.
C) parar no acostamento, ligando as luzes de posição do veículo.
D) procurar um local seguro, fora da pista, para parar o veículo e aguardar a melhoria da visibilidade.
E) prosseguir a viagem com velocidade reduzida, acionando as luzes do pisca-alerta.

15. O trânsito de veículos nos acostamentos de rodovias é permitido:

A) quando, devido à problema mecânico, o veículo estiver lento.
B) quando a pista estiver congestionada.
C) para ultrapassagem de veículos muito lentos.
D) para rebocar um veículo acidentado ou com problemas mecânicos.
E) para acessar imóveis lindeiros ou fazer conversões.

16. Para dirigir com maior segurança, a forma correta de segurar o volante de direção é com as mãos:

A) apoiadas na parte externa do volante, em posição similar à “oito horas e vinte minutos” do relógio.
B) juntas, na parte de baixo.
C) apoiadas na parte externa do volante, em posição similar à “nove horas e quinze minutos” do relógio.
D) nos raios do volante.
E) juntas, em cima.

17. É correto afirmar que o ciclista seguro e defensivo, quando adulto, deve:

A) respeitar o Código de Trânsito Brasileiro e, consequentemente, a sinalização das vias.
B) circular somente nos parques e praças.
C) circular somente em locais onde não haja tráfego de automóveis.
D) circular observando somente as regras impostas aos pedestres.
E) circular somente onde não haja fluxo de pedestres.

18. Todo condutor habilitado deve praticar a Direção Defensiva constantemente. O motorista defensivo deve saber que condições adversas são:

A) as particularidades de cada veículo, seus equipamentos e acessórios.
B) as reciclagens que todo condutor deve fazer periodicamente para aumentar sua habilidade ao dirigir.
C) os itens do veículo que interferem diretamente na segurança, como os freios, a direção e a suspensão.
D) os fatores ou combinações de fatores que contribuem para aumentar as situações de risco no trânsito, comprometendo a segurança.
E) os procedimentos de segurança que o motorista defensivo deve adotar para contribuir com o fluxo de veículos em uma via.

19. Analise a figura.“Quem tem prioridade numa cidade: o automóvel ou o serhumano?”Analisando a figura e a questão acima é correto afirmar que qualquer condutor habilitado de veículos, mesmo não tendo conhecimentos profundos sobre Direção Defensiva,com base no bom senso, responderá que":

A) muitos condutores cometem infrações de trânsito que deveriam ser atribuídas somente aos pedestres.
B) a calçada e as ruas são vias de trânsito de veículos e qualquer pedestre é um risco à segurança no trânsito.
C) os pedestres, principalmente os idosos e os portadores de necessidades especiais, somente devem circular em horários de pouco fluxo de veículos.
D) qualquer ser humano é mais importante do que qualquer máquina.
E) os pedestres contribuem para a ocorrência de acidentes de trânsito ao cruzarem as vias fora das faixas de travessia sinalizadas.

20. Cristina conduzia em alta velocidade seu veículo em uma rodovia, quando, de repente, começou uma forte chuva. Sem que ela percebesse, seu veículo sofreu o fenômeno da aquaplanagem, que ocorre, pela combinação dos seguintes fatores:

A) velocidade reduzida, chuva e pneus “carecas”.
B) falta de atenção e pavimentação ruim da pista.
C) pequena distância entre os veículos em circulação e falta de cuidado nas curvas.
D) alta velocidade, excesso de água na pista e pneus em mau estado.
E) alta velocidade, falta de destreza do condutor e suspensão do veículo em mau estado.

21. Atualmente, graças à intensa propaganda, para muitas pessoas, a aquisição de um veículo transformou-se em promessa de sucesso e felicidade. Um dos custos sociais desse consumismo desenfreado é:

A) a ampliação das sanções aos motoristas infratores.
B) a diminuição da durabilidade dos bens consumidos.
C) a criação de uma sociedade cada vez menos desigual.
D) o impacto provocado sobre o meio ambiente.
E) o aumento dos conflitos entre consumidores e cidadãos.

22. No Brasil, há que se considerar que o cidadão pode exercer diferentes papéis no contexto social: ora atua como pedestre, ora como motorista ou motociclista. Para o Código de Trânsito Brasileiro, o cidadão é:

A) alvo de permanentes pesquisas.
B) prioridade no que se refere à defesa da vida.
C) prioridade no que se refere à defesa da vida.
D) um sujeito detentor de livre arbítrio.
E) é o único responsável pelos problemas de trânsito.

23. Nas grandes cidades verifica-se que, nos meses mais frios do ano, acumulam-se mais poluentes no ar porque sua dispersão é:

A) Facilitada pela inversão térmica.
B) Dificultada pelo efeito estufa.
C) Dificultada pela inversão térmica
D) Facilitada pelo efeito estufa
E) facilitada pela chuva ácida

24. Atirar, nas vias públicas, objetos ou substâncias de dentro do veículo é passível de multa e constitui uma infração:

A) grave, geralmente, praticada por condutores de nível de escolaridade alta.
B) média, que pode ser considerada irresponsável sob o ponto de vista ambiental.
C) leve, cotidianamente, praticada pelos que criticam os ecologistas.
D) gravíssima, raramente praticada por condutores jovens
E) leve, que pode ser considerada danosa apenas para os pedestres

25. Ao verificar o nível de óleo do motor, periodicamente, nota-se que houve um pequeno consumo e, aparentemente, não existem vazamentos. Logo devemos entender que:

A) pode haver vazamentos internos no motor que não aparecem externamente.
B) isso é normal, pois até o próprio fabricante do veículo especifica no manual a proporção desse consumo por quilômetros rodados.
C) se deve substituir o óleo.
D) existe algum problema sério no motor, pois somente motores desgastados consomem óleo.
E) o óleo aplicado tem viscosidade acima da recomendada pelo fabricante, aumentando o consumo.

26. Considerando certas condições, como, por exemplo, trafegar em áreas alagadas, sob chuva intensa ou depois de lavar o veículo por baixo utilizando jato rotativo de água, poderá ser registrada resposta retardada dos freios. Tal problema ocorre devido à presença de:

A) lubrificante de base vegetal na suspensão.
B) umidade nos discos e tambores de freio.
C) umidade na sapatilha do pedal de freio.
D) resíduos sólidos na suspensão.
E) lubrificante de base mineral no freio de estacionamento.

27. Ao atender as vítimas de uma colisão entre dois carros, a pessoa que socorre deverá soltar o cinto de segurança, sem movimentar o corpo delas, APENAS quando:

A) as vítimas queixam-se de dor no corpo todo.
B) o cinto de segurança está dificultando a respiração.
C) o cinto de segurança dificulta a movimentação.
D) as vítimas queixam-se de formigamento nos braços e pernas.
E) as vítimas estão sonolentas.

28. Uma pessoa estava trafegando por uma via quando viu um acidente de trânsito. Parou seu veículo em local seguro e foi colaborar no socorro às vítimas. Soube que uma das vítimas não estava usando o cinto de segurança, foi arremessada para fora do veículo, bateu a cabeça e as costas e desmaiou. A ajuda neste tipo de caso é importante, mas, se a vítima for movimentada poderá ocorrer:

A) hérnia de disco.
B) bico de papagaio.
C) infecção óssea.
D) agravamento da lesão da coluna vertebral.
E) luxação dos músculos das costas.

29. Uma vítima de acidente de trânsito apresenta fratura localizada na perna esquerda. Enquanto se aguarda o resgate, deve-se:

A) agasalhar a vítima, forrar a superfície onde ela está deitada e dar-lhe um comprimido de Voltaren.
B) estimular a circulação do local fraturado por meio de massagem local.
C) não movimentar a vítima.
D) imobilizar a perna por meio de tipóia.
E) fazer pressão firme diretamente no local da fratura, com um pano, gaze ou lenço.

30. Em um acidente com motocicleta, a vítima está inconsciente e caída no chão com os joelhos dobrados. Nesta situação, um cuidado a ser prestado à vítima é:

A) observar presença de deformidades e movimentar as articulações.
B) verificar presença de fratura no joelho e tentar colocar a articulação no lugar.
C) movimentar a cabeça para cima e para baixo.
D) transportar a vítima, o mais rápido possível, na posição sentada, para o hospital.
E) não tirar o capacete do motociclista, e não movimentá-lo.

0 de 30