Imagem

1. A placa (R-40) indica que:

A) é proibido o trânsito de bicicletas na área ou via sinalizada.
B) é proibido o trânsito de pedestres e ciclistas na área ou via sinalizada.
C) é proibido o trânsito de motocicletas, motonetas e ciclomotores na área ou via sinalizada.
D) é proibido o trânsito de carros de mão na área ou via sinalizada.
E) é proibida a brincadeira de crianças na via pública.

Imagem

2. A placa (A-5a) significa:

A) curva à esquerda.
B) curva acentuada à esquerda.
C) curva em “S” à esquerda.
D) pista sinuosa à esquerda.
E) curva em “S” à esquerda.

Imagem

3. A placa (R-37) indica que:

A) é proibido o trânsito de carros de mão na área ou via sinalizada.
B) é proibido o trânsito de motocicletas, motonetas e ciclomotores na área ou via sinalizada.
C) é proibido, para as motocicletas, realizar a operação de ultrapassagem no trecho regulamentado.
D) é proibido o trânsito de tratores e máquinas de obras na área ou via sinalizada.
E) é proibido o trânsito de bicicletas na área ou via sinalizada.

Imagem

4. Em uma avenida da cidade onde reside, um condutor verifica a existência das placas conjugadas abaixo representadas.O condutor deve saber que:

A) caso exista fiscalização eletrônica, deverá haver também, obrigatoriamente, sinalização educativa.
B) os limites de velocidade variam de acordo com os dias e horários indicados nas placas, valendo para qualquer veículo.
C) adiante existe, certamente, fiscalização eletrônica.
D) a redução de velocidade nos dias úteis, conforme indica a placa, é válida apenas para caminhões e ônibus.
E) as velocidades indicadas nas placas são apenas recomendações para os condutores.

Imagem

5. A placa (A-3a) significa:

A) curva acentuada à esquerda.
B) pista sinuosa à esquerda.
C) curva à esquerda.
D) curva em “S” à esquerda.
E) pista sinuosa à direita.

Imagem

6. A placa (R-36b) indica que:

A) os pedestres devem transitar pelo lado esquerdo e os ciclistas devem transitar pelo lado direito.
B) é proibido o trânsito de pedestres.
C) é necessário parar para controle alfandegário.
D) os ciclistas devem circular pelo lado esquerdo e os pedestres devem transitar pelo lado direito.
E) os ciclistas devem transitar pelo lado direito.

Imagem

7. A placa (R-5b) indica que é proibido:

A) realizar conversão à direita.
B) entrar no estacionamento.
C) retornar à esquerda.
D) seguir em frente ou entrar na rua ou área restringida.
E) retornar à direita.

Imagem

8. Esta placa indica:

A) a obrigação dos veículos de carga passarem pela balança.
B) a obrigação dos veículos de carga pararem para conferência de documentação.
C) a proibição de circulação de veículos de carga, que deverão sair da estrada.
D) a obrigação de ônibus, caminhões e veículos de grande porte circularem pela faixa à direita.
E) a proibição de ônibus e caminhões de circularem na faixa da esquerda.

Imagem

9. Considere a placa de sinalização abaixo.O motorista deve:

A) virar à direita.
B) virar à esquerda.
C) retornar pela direita.
D) passar pela direita.
E) passar pela esquerda.

Imagem

10. A placa (R-8b) indica que é:

A) proibido mudar de faixa ou pista de trânsito da direita para esquerda.
B) proibido virar à esquerda.
C) proibido retornar à esquerda.
D) proibido ultrapassar da direita para esquerda.
E) proibida a circulação de bicicletas na área ou via sinalizada.

Imagem

11. Pela seqüência, identifique as sinalizações abaixo.

A) Dê a preferência, parada obrigatória à frente e parada obrigatória.
B) Parada obrigatória à frente, dê a preferência e parada obrigatória.
C) Parada obrigatória à frente, parada obrigatória e dê a preferência.
D) Dê a preferência, parada obrigatória e parada obrigatória à frente.
E) Parada obrigatória, parada obrigatória à frente e dê a preferência.

Imagem

12. Segundo suas funções, as placas abaixo, pela ordem, são classificadas nos seguintes tipos:

A) indicação, atenção e siga.
B) advertência, regulamentação e indicação.
C) regulamentação, advertência e indicação.
D) proibição, autorização e atrativos turísticos.
E) advertência, indicação e serviço auxiliar.

13. Em uma rodovia de pista dupla, em região serrana, você está dirigindo sozinho, à noite, sob intensa neblina, e se envolve em um acidente do tipo engavetamento, em que há diversos veículos atravessados na pista. Você não sofre lesões. Sendo o seu o último automóvel, o procedimento mais adequado é:

A) percorrer todos os carros à frente e, se houver vítimas, removê-las imediatamente dos automóveis.
B) permanecer no interior de seu veículo até chegar o policiamento rodoviário.
C) sair cuidadosamente de seu veículo para tentar sinalizar a pista, a fim de evitar outras colisões, e acionar o policiamento.
D) procurar levar seu veículo para o acostamento para não danificá-lo ainda mais.
E) engatar a marcha à ré, contornar o engavetamento pelo acostamento e seguir viagem com mais cuidado.

14. Cristina conduzia em alta velocidade seu veículo em uma rodovia, quando, de repente, começou uma forte chuva. Sem que ela percebesse, seu veículo sofreu o fenômeno da aquaplanagem, que ocorre, pela combinação dos seguintes fatores:

A) velocidade reduzida, chuva e pneus “carecas”.
B) falta de atenção e pavimentação ruim da pista.
C) pequena distância entre os veículos em circulação e falta de cuidado nas curvas.
D) alta velocidade, excesso de água na pista e pneus em mau estado.
E) alta velocidade, falta de destreza do condutor e suspensão do veículo em mau estado.

15. É correto afirmar que o ciclista seguro e defensivo, quando adulto, deve:

A) respeitar o Código de Trânsito Brasileiro e, consequentemente, a sinalização das vias.
B) circular somente nos parques e praças.
C) circular somente em locais onde não haja tráfego de automóveis.
D) circular observando somente as regras impostas aos pedestres.
E) circular somente onde não haja fluxo de pedestres.

16. Durante a chuva, o condutor deve acionar o limpador de pára-brisa do veículo e:

A) deixar uma abertura nos vidros.
B) acionar a ventilação do veículo.
C) acender pelo menos as luzes de posição.
D) ligar o desembaçador traseiro.
E) acender as luzes altas.

17. Durante o percurso de descida em serra, o condutor deve:

A) deixar o veículo em marcha reduzida.
B) deixar o veículo desengatado e utilizar o freio.
C) utilizar o freio aos poucos e continuamente.
D) deixar o veículo engatado e utilizar o freio sucessivamente.
E) utilizar o freio aos poucos com pequenas bombeadas no pedal.

18. Todo condutor habilitado deve praticar a Direção Defensiva constantemente. O motorista defensivo deve saber que condições adversas são:

A) as particularidades de cada veículo, seus equipamentos e acessórios.
B) as reciclagens que todo condutor deve fazer periodicamente para aumentar sua habilidade ao dirigir.
C) os itens do veículo que interferem diretamente na segurança, como os freios, a direção e a suspensão.
D) os fatores ou combinações de fatores que contribuem para aumentar as situações de risco no trânsito, comprometendo a segurança.
E) os procedimentos de segurança que o motorista defensivo deve adotar para contribuir com o fluxo de veículos em uma via.

19. Verificar se o espaço é suficiente, sinalizar com antecedência e retornar à faixa anterior, são procedimentos para executar uma

A) ultrapassagem segura.
B) manobra de conversão.
C) mudança de faixa de trânsito.
D) manobra de estacionamento.
E) entrada em via preferencial.

20. Um condutor dirige em uma via de sentido único de circulação com fluxo intenso, quando percebe que o semáforo mudou para a cor amarela e o condutor de trás está muito perto do seu pára-choque. Nessa situação, o condutor deve:

A) sinalizar com o braço para que o condutor de trás pare a tempo, frear com intermitência para piscar as luzes e tentar parar antes da linha de retenção.
B) ficar atento apenas à sua ação de parar.
C) frear, mudando de faixa e permitindo que o outro veículo passe.
D) frear bruscamente, parando antes da faixa de segurança.
E) continuar com segurança, acelerando para avançar o semáforo.

21. Nas grandes cidades verifica-se que, nos meses mais frios do ano, acumulam-se mais poluentes no ar porque sua dispersão é:

A) Facilitada pela inversão térmica.
B) Dificultada pelo efeito estufa.
C) Dificultada pela inversão térmica
D) Facilitada pelo efeito estufa
E) facilitada pela chuva ácida

22. Atirar, nas vias públicas, objetos ou substâncias de dentro do veículo é passível de multa e constitui uma infração:

A) grave, geralmente, praticada por condutores de nível de escolaridade alta.
B) média, que pode ser considerada irresponsável sob o ponto de vista ambiental.
C) leve, cotidianamente, praticada pelos que criticam os ecologistas.
D) gravíssima, raramente praticada por condutores jovens
E) leve, que pode ser considerada danosa apenas para os pedestres

23. Atualmente, graças à intensa propaganda, para muitas pessoas, a aquisição de um veículo transformou-se em promessa de sucesso e felicidade. Um dos custos sociais desse consumismo desenfreado é:

A) a ampliação das sanções aos motoristas infratores.
B) a diminuição da durabilidade dos bens consumidos.
C) a criação de uma sociedade cada vez menos desigual.
D) o impacto provocado sobre o meio ambiente.
E) o aumento dos conflitos entre consumidores e cidadãos.

24. No Brasil, há que se considerar que o cidadão pode exercer diferentes papéis no contexto social: ora atua como pedestre, ora como motorista ou motociclista. Para o Código de Trânsito Brasileiro, o cidadão é:

A) alvo de permanentes pesquisas.
B) prioridade no que se refere à defesa da vida.
C) prioridade no que se refere à defesa da vida.
D) um sujeito detentor de livre arbítrio.
E) é o único responsável pelos problemas de trânsito.

25. Carcaça de lonas, banda de rodagem e talões são elementos que compõem o:

A) freio de estacionamento.
B) amortecedor.
C) estofamento.
D) motor de partida.
E) pneu.

26. Na verificação periódica e preventiva do veículo, o condutor deve incluir os cuidados com os cintos de segurança. Na inspeção dos cintos de segurança do veículo, o condutor deve avaliar:

A) as dobras, que deverão permitir perfeita elasticidade.
B) as dobras de todos os cintos, que deverão impedir elasticidade excessiva.
C) se há folga suficiente em todos os cintos, a fim de que o atrito do cinto com o corpo não provoque rompimento prematuro do sistema de travamento.
D) se o sistema de travamento da faixa inferior do cinto funciona com perfeita elasticidade.
E) se todos os cintos estão em perfeitas condições e disponíveis para todos os ocupantes do veículo.

27. Ocorreu um acidente às 13 horas em uma rodovia que apresenta pista seca e cuja velocidade máxima permitida é de 100 km/h. A distância para o início da sinalização deve ser de:

A) 40 passos curtos.
B) 50 passos curtos.
C) 100 passos longos.
D) 120 passos longos.
E) 140 passos longos.

28. Em uma rua há um carro em chamas após colisão frontal com outro veículo. Nesse caso, recomenda-se

A) usar o extintor dirigindo o jato para o meio do fogo.
B) usar o extintor com movimentos em forma de “X”.
C) posicionar o extintor na posição horizontal, antes de acionar o gatilho.
D) jogar o conteúdo do extintor aos poucos.
E) empregar, se possível, vários extintores ao mesmo tempo.

29. Um acidentado apresenta deformidades e pequeno sangramento em uma das pernas. Ele sai andando, com dificuldade, do local do acidente. Nesse caso, recomenda-se:

A) orientá-lo a aguardar o socorro chegar para melhor avaliação.
B) fazer tração no membro lesado.
C) cobrir o ferimento com curativo compressivo, após aplicação de pomada antibiótica.
D) alinhar os ossos e colocar uma tala.
E) cobrir o ferimento e imobilizar a perna lesada, fazendo a tração.

30. Em um acidente com motocicleta, a vítima está inconsciente e caída no chão com os joelhos dobrados. Nesta situação, um cuidado a ser prestado à vítima é:

A) observar presença de deformidades e movimentar as articulações.
B) verificar presença de fratura no joelho e tentar colocar a articulação no lugar.
C) movimentar a cabeça para cima e para baixo.
D) transportar a vítima, o mais rápido possível, na posição sentada, para o hospital.
E) não tirar o capacete do motociclista, e não movimentá-lo.

0 de 30