Imagem

1. Segundo suas funções, as placas abaixo, pela ordem, são classificadas nos seguintes tipos:

A) indicação, atenção e siga.
B) advertência, regulamentação e indicação.
C) regulamentação, advertência e indicação.
D) proibição, autorização e atrativos turísticos.
E) advertência, indicação e serviço auxiliar.

Imagem

2. A placa (R-35a) indica que:

A) é proibida a circulação de ciclistas na via ou área sinalizada.
B) os pedestres devem transitar pelo lado esquerdo.
C) os ciclistas devem transitar pelo lado esquerdo.
D) os ciclistas devem circular pelo lado esquerdo e os pedestres pelo lado direito.
E) é proibido o trânsito de pedestres.

Imagem

3. A placa (R-38) indica que:

A) é proibido o trânsito de caminhões na área ou via sinalizada.
B) os ônibus e caminhões devem manter-se à direita.
C) é proibido o trânsito de tratores e máquinas de obras na área ou via sinalizada.
D) é proibido o trânsito de motocicletas, motonetas e ciclomotores na área ou via sinalizada.
E) é proibido o trânsito de ônibus na área ou via sinalizada.

Imagem

4. A placa (A-5a) significa:

A) curva à esquerda.
B) curva acentuada à esquerda.
C) curva em “S” à esquerda.
D) pista sinuosa à esquerda.
E) curva em “S” à esquerda.

5. Quanto à sua função, a sinalização vertical compõe-se dos seguintes tipos:

A) educativa, regulamentação e advertência.
B) regulamentação, indicação e orientação de destino.
C) regulamentação, advertência e indicação.
D) indicação, educativa e serviços auxiliares.
E) advertência, serviços auxiliares e indicação.

Imagem

6. A placa (R-37) indica que:

A) é proibido o trânsito de carros de mão na área ou via sinalizada.
B) é proibido o trânsito de motocicletas, motonetas e ciclomotores na área ou via sinalizada.
C) é proibido, para as motocicletas, realizar a operação de ultrapassagem no trecho regulamentado.
D) é proibido o trânsito de tratores e máquinas de obras na área ou via sinalizada.
E) é proibido o trânsito de bicicletas na área ou via sinalizada.

Imagem

7. Considere a figura abaixo. A placa de sinalização regulamenta e informa ao motorista:

A) a velocidade máxima permitida.
B) a altura máxima permitida.
C) a largura máxima permitida.
D) o comprimento total permitido.
E) o peso total permitido por eixo.

Imagem

8. A placa (R-35b) indica que:

A) os pedestres devem transitar pelo lado direito.
B) é proibido o trânsito de pedestres.
C) é proibida a circulação de ciclistas na via ou área sinalizada.
D) os ciclistas devem circular pelo lado direito e os pedestres pelo lado esquerdo.
E) os ciclistas devem transitar pelo lado direito.

Imagem

9. A placa (A-2b) significa:

A) curva acentuada à direita.
B) curva à esquerda.
C) pista sinuosa à direita.
D) curva à direita.
E) curva em “S” à direita.

Imagem

10. Pela seqüência, identifique as sinalizações abaixo.

A) Dê a preferência, parada obrigatória à frente e parada obrigatória.
B) Parada obrigatória à frente, dê a preferência e parada obrigatória.
C) Parada obrigatória à frente, parada obrigatória e dê a preferência.
D) Dê a preferência, parada obrigatória e parada obrigatória à frente.
E) Parada obrigatória, parada obrigatória à frente e dê a preferência.

Imagem

11. A placa (R-5b) indica que é proibido:

A) realizar conversão à direita.
B) entrar no estacionamento.
C) retornar à esquerda.
D) seguir em frente ou entrar na rua ou área restringida.
E) retornar à direita.

Imagem

12. A placa (A-14) significa:

A) sinalização à frente.
B) sinal vermelho à frente.
C) sinalização para pedestre à frente.
D) semáforo à frente.
E) atenção: semáforo.

13. O motorista do veículo A aproxima-se de uma curva acentuada à direita, conforme a figura. Poderá perder o controle do veículo, sair da faixa de rolamento e colidir com o veículo que trafega em sentido contrário, em função da ação da força centrífuga. Para evitar esse tipo de colisão, um motorista defensivo deverá:

A) aumentar a velocidade na curva e manter-se à esquerda.
B) frear o veículo no meio da curva e manter-se à esquerda.
C) manter-se à direita e diminuir a velocidade antes da curva.
D) manter-se à direita e aumentar a velocidade antes da curva.
E) diminuir a velocidade e manter-se à esquerda.

14. Na utilização correta do freio de estacionamento do veículo deve-se:

A) colocar um calço na roda sempre que estacionar o veículo em vias inclinadas.
B) colocar óleo para lubrificá-lo.
C) puxar a alavanca, sem forçar além do necessário.
D) manter o bom estado das pastilhas
E) puxar a alavanca ao máximo para se ter maior segurança.

15. A forma correta de parar o carro em uma ladeira, com acentuado aclive, ou seja, no sentido da subida, a fim de aguardar a abertura do semáforo, é:

A) acionar os freios de serviço (pedal) inicialmente e, em seguida, o de estacionamento (mão), colocando o veículo simultaneamente em ponto morto.
B) manter o veículo com a embreagem patinando, para facilitar a saída e impedir que ele retorne.
C) acionar o freio de estacionamento (mão) e engatar a primeira marcha, mantendo a embreagem levemente solta para sair mais rápido.
D) acionar o freio de serviço (pedal) e, em seguida, engatar a 1a marcha.
E) segurar o freio somente com o freio de serviço (pedal).

16. Em descida de serra, em declive, o procedimento correto para não forçar os freios e nem aquecê-los em demasia é:

A) bombear continuamente os freios para aumentar a sua pressão.
B) colocar em ponto morto e usar somente os freios para economizar combustível.
C) descer com o câmbio engrenado.
D) colocar a primeira marcha e descer acelerando.
E) usar o freio de estacionamento (mão) como freio auxiliar.

17. Sandoval, motorista defensivo, está trafegando à noite por uma pista de sentido duplo de direção, sob uma forte chuva. Na pista há acúmulo de água no asfalto, formando grandes poças d’água. Nessas condições adversas, dirigir um veículo requer muito cuidado e perícia. Neste caso, para evitar o efeito da aquaplanagem, Sandoval deverá:

A) aumentar a velocidade do veículo e manter-se à esquerda da via.
B) diminuir a velocidade do veículo e manter-se à direita da via.
C) aumentar a velocidade e trafegar sobre a faixa divisória da pista.
D) aumentar a velocidade e pisar no freio de vez em quando, mantendo-se à esquerda da via.
E) diminuir a velocidade, acionar o pisca-alerta, trafegando de modo a evitar as poças de água.

18. Anselmo tem muito cuidado com seu veículo. Mora em uma rua de duplo sentido de direção, quase na esquina com um cruzamento, rua esta em que há grande fluxo de pedestres, ciclistas, motociclistas e veículos. O espaço de sua garagem é muito “apertado”. Assim, durante o dia, Anselmo tem o hábito de deixar o veículo estacionado em frente à sua casa, bem “colado” ao portão de sua casa, com os dois pneus direitos sobre a calçada, a fim de evitar colisões em seu veículo. Conforme o CTB e os preceitos da Direção Defensiva, Anselmo está:

A) correto, pois manter o veículo sobre a calçada facilita o fluxo de veículos na via.
B) incorreto, pois mesmo parcialmente sobre a calçada, o veículo compromete a fluidez do trânsito.
C) correto, pois evita colisões com veículos cujos condutores trafeguem em alta velocidade.
D) correto, pois cumpre e faz cumprir a legislação de trânsito, tendo em vista que todo condutor tem permissão legal para estacionar sobre a calçada em frente à sua própria casa.
E) incorreto, pois desrespeita a lei e põe em risco a segurança dos pedestres, que terão que circular pela pista de veículos.

19. É correto afirmar que o ciclista seguro e defensivo, quando adulto, deve:

A) respeitar o Código de Trânsito Brasileiro e, consequentemente, a sinalização das vias.
B) circular somente nos parques e praças.
C) circular somente em locais onde não haja tráfego de automóveis.
D) circular observando somente as regras impostas aos pedestres.
E) circular somente onde não haja fluxo de pedestres.

20. Para dirigir com maior segurança, a forma correta de segurar o volante de direção é com as mãos:

A) apoiadas na parte externa do volante, em posição similar à “oito horas e vinte minutos” do relógio.
B) juntas, na parte de baixo.
C) apoiadas na parte externa do volante, em posição similar à “nove horas e quinze minutos” do relógio.
D) nos raios do volante.
E) juntas, em cima.

21. Nas grandes cidades verifica-se que, nos meses mais frios do ano, acumulam-se mais poluentes no ar porque sua dispersão é:

A) Facilitada pela inversão térmica.
B) Dificultada pelo efeito estufa.
C) Dificultada pela inversão térmica
D) Facilitada pelo efeito estufa
E) facilitada pela chuva ácida

22. No Brasil, há que se considerar que o cidadão pode exercer diferentes papéis no contexto social: ora atua como pedestre, ora como motorista ou motociclista. Para o Código de Trânsito Brasileiro, o cidadão é:

A) alvo de permanentes pesquisas.
B) prioridade no que se refere à defesa da vida.
C) prioridade no que se refere à defesa da vida.
D) um sujeito detentor de livre arbítrio.
E) é o único responsável pelos problemas de trânsito.

23. Atualmente, graças à intensa propaganda, para muitas pessoas, a aquisição de um veículo transformou-se em promessa de sucesso e felicidade. Um dos custos sociais desse consumismo desenfreado é:

A) a ampliação das sanções aos motoristas infratores.
B) a diminuição da durabilidade dos bens consumidos.
C) a criação de uma sociedade cada vez menos desigual.
D) o impacto provocado sobre o meio ambiente.
E) o aumento dos conflitos entre consumidores e cidadãos.

24. Atirar, nas vias públicas, objetos ou substâncias de dentro do veículo é passível de multa e constitui uma infração:

A) grave, geralmente, praticada por condutores de nível de escolaridade alta.
B) média, que pode ser considerada irresponsável sob o ponto de vista ambiental.
C) leve, cotidianamente, praticada pelos que criticam os ecologistas.
D) gravíssima, raramente praticada por condutores jovens
E) leve, que pode ser considerada danosa apenas para os pedestres

25. Para remover a bateria de um veículo deve-se:

A) descarregar totalmente a bateria antes de retirá-la.
B) soltar o conector de todos os módulos existentes no veículo.
C) soltar os cabos do negativo e positivo ao mesmo tempo.
D) soltar primeiro o cabo do positivo e depois o do negativo.
E) soltar primeiro o cabo do negativo e depois o do positivo.

26. Quando o motor for submetido a uma carga mais elevada e prolongada, como numa viagem, é aconselhável não desligá-lo repentinamente e deixá-lo funcionando por alguns minutos em marcha lenta para evitar:

A) resfriação imediata do motor.
B) bloqueio nos dutos de lubrificação.
C) formação de ar no sistema de freio.
D) acúmulo de calor no motor.
E) aumento de carga na bateria.

27. O atendimento inicial a um acidentado com sangramento intenso em um dos braços deve ser a aplicação de:

A) talas acima do local do sangramento.
B) compressão no local do sangramento com gaze ou pano limpo.
C) pressão indireta nos pontos arteriais.
D) bandagem tipo tipóia.
E) talas abaixo do local de sangramento.

28. Em uma rua há um carro em chamas após colisão frontal com outro veículo. Nesse caso, recomenda-se

A) usar o extintor dirigindo o jato para o meio do fogo.
B) usar o extintor com movimentos em forma de “X”.
C) posicionar o extintor na posição horizontal, antes de acionar o gatilho.
D) jogar o conteúdo do extintor aos poucos.
E) empregar, se possível, vários extintores ao mesmo tempo.

29. Em um acidente com motocicleta, a vítima está inconsciente e caída no chão com os joelhos dobrados. Nesta situação, um cuidado a ser prestado à vítima é:

A) observar presença de deformidades e movimentar as articulações.
B) verificar presença de fratura no joelho e tentar colocar a articulação no lugar.
C) movimentar a cabeça para cima e para baixo.
D) transportar a vítima, o mais rápido possível, na posição sentada, para o hospital.
E) não tirar o capacete do motociclista, e não movimentá-lo.

30. Uma pessoa estava trafegando por uma via quando viu um acidente de trânsito. Parou seu veículo em local seguro e foi colaborar no socorro às vítimas. Soube que uma das vítimas não estava usando o cinto de segurança, foi arremessada para fora do veículo, bateu a cabeça e as costas e desmaiou. A ajuda neste tipo de caso é importante, mas, se a vítima for movimentada poderá ocorrer:

A) hérnia de disco.
B) bico de papagaio.
C) infecção óssea.
D) agravamento da lesão da coluna vertebral.
E) luxação dos músculos das costas.

0 de 30